Look em meio às tulipas

Final de semana recheado de programas por aqui (e é assim que eu gosto)! Depois do cineminha no sábado, no domingo eu e o marido fomos passear pela rota das tulipas, pois o condado onde moro (Skagit County) é muito famoso pelo cultivo das flores, celebrando a primavera em grande estilo.

É óbvio que eu não poderia perder a oportunidade de registrar meu look no local, já que amo fotografar perto da natureza e este cenário, em especial, estava magnífico. As cores, a perfeição e delicadeza de cada botão... impossível não sorrir e suspirar com tamanha beleza.

Comecei escolhendo um jeans skinny básico, pois eu sabia que se tratava de um passeio bem descontraído. Gente, como é gostoso vestir uma calça que anteriormente mal entrava e agora até sobra no cós, rsrs! Se não me engano, esta foi uma das primeiras peças que comprei após a mudança para os Estados Unidos, em 2013. É da Aéropostale (marca baratinha daqui) e, apesar de ter usado bastante ao longo desses dois anos, ainda está inteira.

Diante da fase “pacata” de estilo que estou vivendo, optei por uma simples camiseta preta de manga longa. Porém, eu penso que combinar preto com jeans é o cúmulo da preguiça, então adicionei o colete de pelúcia com estampa de onça para imprimir mais personalidade e proteger do vento gelado. Eu sou fã desta terceira peça porque ela é capaz de transformar a produção em questão de segundos, além de contribuir para um shape mais alongado.

Agora que começou no Brasil a temporada Outono/Inverno 2015, é uma boa hora para adquirir coletes de pelúcia, pois eles irão incrementar os looks de frio e podem ser usados por cima de vestidos também – muito versáteis! Atenção apenas ao comprimento: quanto mais comprido for, maior a sensação de pernas curtas, o que leva ao achatamento da silhueta. No meu caso, a proporção de tronco e pernas não foi comprometida, já que o colete termina três dedos abaixo do ossinho da bacia (referência que funciona pra mim).

Acho que nunca conseguirei me livrar do amor por animal print e o legal é que garante mais interessância a qualquer visual. E se com uma onça já é bom, com três fica ainda melhor: detalhe para o anel e unhas postiças! Dá-lhe mistura de estampas!

Nos pés, eu precisava de um calçado confortável e, por isso, apostei no coturno marrom, dobrando o cano para deixar a proposta mais descolada. 

Recorri ao chapéu burgundy de feltro (conhecido como floppy hat) por dois motivos: dar um ar folk e controlar a ventania no cabelo. No Brasil, as pessoas torcem o nariz para os chapéus, mas este acessório é tão estiloso que vale a pena investir, principalmente se você se identifica com essa pegada étnica. Para quem quer começar a usar, mas tem receio de tamanha “ousadia”, a dica é investir em tons próximos da cor do cabelo, pois não aparecem tanto.

O toque final ficou por conta do colar comprido com pingente de mandala e franjas, que reforçou a linha vertical no tronco e funcionou como um truque emagrecedor entre as abas do colete.

Quase nem acredito que misturei tanto bicho em uma só produção! Será que a pessoa curte/adora/ama brincar com mix de padronagens?

Para encerrar o post, alguns cliques que fizemos das tulipas! <3 <3 <3

Bom feriado a vocês que estão no Brasil e um final de semana colorido como estas flores!

Comentários

  1. Heloísa Imada30/04/2015 09:31

    Cami, que lindaaa! Esse chapéu combina tanto com você!
    Adorei o colar e as flores, claro!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Helozitaaa, sabe que eu também acho? hauhahauhauha, adoro um chapéu de feltro! Estava numa vibe meio boho neste dia! Obrigada pelo comentário e bom feriado! Bjssss

      Excluir
  2. Gente, que flores incríveis!! Parecem pinturas!!! Adorei o look!! (As usual) mas gostaria de pedir umas orientações sobre 1) o chapéu floppy hat! Eu tenho 1, comprei preto. Mas ainda tenho dificuldade de usar. Onde moro é uma região mais fria, contudo, sou reticente ao uso do chapéu: usar chapéu à noite não funciona, funciona? E para passear no shopping? Ao ar livre com chuva, pode? Eu acho essa adequação do chapéu ao clima ensolarado / frio meio complicadinha. Ou estou viajando quanto à isso? 2) acho o máximo esses coletes de pelucia e embora meu biotipo seja retangular, meus braços são gordinhos e tenho os ombros largos. Fico com medo de aumentar o volume em uma área em que normalmente procuro camuflar. Vc poderia dar mais dicas sobre os coletinhos e os biotipos?? Obrigada e um big beijo!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mariana querida! São maravilhosas mesmo essas tulipas, né? Tb amo!
      Vamos às suas dúvidas: vc encana de usar o chapéu porque pesa no look ou porque precisa saber qual a ocasião certa pra usá-lo? Porque sei q vc é loira, então o preto deve pesar um pouco no seu rosto. Mas se este não é um problema, você pode mandar ver pra passear no shopping (apesar de um lugar fechado, o chapéu assume o papel de item fashion do seu look) e com chuva também, caso vc não tenha problemas em molhá-lo. Afinal, ele irá proteger seu cabelo! Agora à noite acho que não combina não; talvez as boinas/gorros sejam melhores para looks noturnos.
      Sobre colete, tudo depende do modelo que vc escolher! Tem pelúcia e pelúcia, né? Procura um liso, sem muito volume com os pelos e de cor escura. Daí, se vc ficar encanada, aposte em peças por baixo também escuras, porque esse "monocromático" não vai te deixar maior; ao contrário, o colete aberto cria a linha vertical afinadora de silhueta! Se achar que tá quadradona, arremata com um cinto fino por fora ou aposta numa calça flare para equilibrar com a parte de baixo também (ou saias longas).
      Será que consegui te dar algumas ideias? Qualquer coisa é só me escrever que te respondo com prazer! Bjsssss

      Excluir
    2. Cami,
      Primeiro quero elogiar as fotos e o cenário q estão incríveis! Parabéns ao marido!
      Tb quero elogiar seu look, pois apesar de vc estar numa fase mais simples, não deixou de ter seu toque de personalidade e estilo único!
      E quero aproveitar a dúvida da Mari, pra saber tbm um pouco mais sobre a "etiqueta" do uso deste acessório. Qdo entramos num restaurante por exemplo, temos q tirar o chapéu? E o cabelo q fica todo desarrumado? toda vez q eu entrar numa loja, tenho q tirá-lo? hahahaha, me desculpe pelas dúvidas bestas....kkkkk
      Bjs.

      Excluir
    3. Obrigada, amiga! Mesmo simples sempre é possível incluir pitadas de interessância nos looks! =)
      Sobre sua dúvida, eu não sou especialista em etiqueta, mas o que sei é: nada de chapéu na hora de jantar em ambientes fechados, porque é socialmente mais elegante tirá-lo por um sinal de educação. Lembre-se, sim, de arrumar o cabelo (melhor fazer isso antes de entrar no restaurante, rsrs).
      Quando a Mari perguntou sobre usar chapéu à noite, eu associei com ambientes ao ar livre, por isso que dei algumas sugestões. Mas quando pensamos em nos sentarmos à mesa para refeições, é melhor deixá-lo de lado. Já no caso de loja, acho que dá pra mantê-lo sim, supondo que ele faz parte do seu look. Porém, acredito que tudo na vida é bom senso, né? Tenho certeza que você não cometerá gafes por aí! Bjssssss

      Excluir
  3. Obrigada, Camila!!! Eu não me incomodo com o "peso" do preto, mas sim com a ocasião certa para usá-la. Se bem que o problema é que acho a aba do meu chapeu grande demais, me cansa um pouco andar com ele na rua porque ele atrapalha minha visão periférica!!! (Sou doente, ok! rs). Mas obrigada pelas dicas, vou tentar usar mais o meu e experimentar milhoes de coletes até encontrar um para chamar de meu! <3


    Um beeeeeeeeeeeeeijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mari! Acho que é este o caminho mesmo: experimentar até achar um para chamar de seu - e não comprar o primeiro que encontrar pela frente! É uma peça pra fazer diferença, não apenas somar! E comigo acontece o mesmo com a aba do chapéu, mas uso do mesmo jeito, kkkkkkkkk!
      um beijo e obrigada pelo comentário! =)

      Excluir

Postar um comentário