Analisando a coloração pessoal

O serviço de Consultoria de Imagem & Estilo envolve não somente ensinar o(a) cliente a se vestir de acordo com seu tipo físico, mas também mostrar quais cores ficam melhores devido ao seu tom de pele, cabelo, olhos e boca. Diante da importância do assunto, passei os dois últimos finais de semana fazendo o curso de formação em Análise de Cores da querida Ana Vaz. E posso garantir: foram dias extremamente enriquecedores.  
Nossa turma: Joana, Ana, Léa, eu, Isis e Andréa
Como as cores refletem luz, é recomendável aproximar do rosto aquilo que vai valorizar/destacar os traços/pele da pessoa. Vocês podem não acreditar, mas assim como nem todo vestido cai bem para todas as mulheres, há cores que não são unanimidades. Então, esqueça a história de que preto fica bom em todo mundo. 

A análise (processo pelo qual se define coloração de uma pessoa) vai além de projetar uma melhor aparência. Entre os benefícios temos o aumento da confiança naquilo que se está usando e a economia por meio de escolhas certas.   

Para analisar o cliente, utilizamos o Método Personal – que avalia de acordo com seis lâminas de tecidos, cada uma com características diferentes: cores claras X profundas; cores quentes X frias; e cores vivas X opacas. 
Clientes sendo analisadas durante a aula
Durante o curso, contamos com a ajuda de algumas mulheres que se dispuseram a ser nossas “cobaias”. Após a conclusão da análise, oferecemos também uma consultoria em relação à cor do cabelo que mais valoriza a cliente e apresentamos a cartela de cores ideal, considerando as características da coloração pessoal. 
Minha amiga Josi, por exemplo, fica melhor em cores opacas
Visagista, Karina (ao centro) ajudava na indicação do tom ideal para o cabelo da cliente
Modelos de cartela de cores
Como as aulas foram realizadas na loja L’Atelier by Leah, em Campinas, também montamos looks (lindos por sinal, pois os produtos são de muito bom gosto) para as supostas clientes, considerando estilo e a cartela de cores.  
Combinação de roupa e acessórios para uma cliente fictícia
Hora de montar um look para a professora, considerando as características dela
O assunto é complexo, mas para vocês entenderem vou exemplificar meu caso: fico melhor com cores profundas (mais escuras/fechadas), frias (tons mais azulados) e vivas (puras). Isso não quer dizer que eu jamais possa usar uma blusa em tom pastel, por exemplo. A saída é tentar neutralizar o efeito que a cor clara causa no meu rosto por meio de maquiagem e acessórios (eles têm um poder incrível!). 

Gostaram? Para saber mais sobre meus pacotes de atendimento como Consultora de Imagem & Estilo mande um e-mail para camila.estilo@gmail.com. Eu posso adiantar: esta experiência vai transformar sua vida e você passará a se ver com outros olhos!

Comentários

  1. Amei querida!! Beijão!
    Lea

    ResponderExcluir
  2. Adorei participar....foi enriquecedor!!!...Débora

    ResponderExcluir

Postar um comentário